6 de set de 2013

Para quem escrever?

Hoje não sei para quem escrever
Eu poderia escrever para quem tanto amei
Contudo não devo.
O que escreveria? Palavras de ódio, certamente.

Eu poderia escrever para quem me encanta
Entretanto eu me envergonharia
Imaginando que tal Senhorita
Pudesse ler minha alma.

Eu poderia escrever sobre o futuro
Todavia não tenho planos.
Na verdade tenho
Mas não sei se devo falar planos,
Estes extremamente mutáveis.

Eu poderia escrever sobre o passado
Mas me nego a olhar para trás agora.
Tenho relances do passado
Ora me animam, ora me deprimem.

Eu poderia escrever sobre o presente
Eu nem sei como me sinto,
Influenciável pelo medo do futuro?
Pela dor do passado?
Influenciável pelo quê?

Hoje não sei para quem escrever.
Nem sobre o que.
Talvez devesse escrever para mim.
Bem que podiam escrever para mim...


Niko

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores