23 de jul de 2013

Procura-se

Sabe aquela vontade de um abraço?
Sabe aquela vontade?
Sabe quando não consegue chorar?

Pisaram no meu coração
Usaram e descartaram-no
Brincaram com meu pobre coração.

Depois disso, roubaram minh'alma.
Procuro uma alma que vaga perdida
Procuro meu coração de lixo em lixo.

Procuro as lágrimas que querem rolar
Mas que por culpa de alguém
Elas não conseguem descer pelo meu rosto.

Procura-se minha alma
Procura-se meu coração
Procura-se minhas lágrimas.


Niko

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores