12 de mar de 2015

Prazer


Não há nada mais prazeroso
Que ouvir a risada gostosa de um  bebê,
Que olhar o céu estrelado
Com a lua cheia,
Que deitar numa rede
Num local fresco.

Não há nada mais prazeroso
Que o sorriso verdadeiro de quem se ama,
Que abraçar a todos que ama,
Que sentir o quanto é importante para todos.

Os melhores prazeres
Dependem de coisas tão pequenas,
Das mais simples possíveis.
Assim se criam os melhores prazeres da vida.

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores